TPM aos 40 anos

Por Roseli Rossi

Tensão Pré Menstrual (TPM) é uma síndrome composta por manifestações físicas, emocionais e comportamentais que acomete mulheres em fase reprodutiva na ausência de doença orgânica ou mental que possa simular os sintomas. Essas manifestações clínicas ocorrem regularmente durante a fase lútea do ciclo menstrual (após ovulação) e desaparecem ou reduzem significativamente ao término do sangramento menstrual. A sintomatologia e seu grau de intensidade podem variar de mulher para mulher. Os sintomas da TPM se distinguem das alterações fisiológicas do ciclo menstrual, pois causam alterações nas atividades diárias da mulher e, geralmente, antecedem a menstruação. Os sintomas, descritos abaixo são os mais comuns, ocorrem na ausência de tratamento farmacológico e melhoram ou desaparecem aproximadamente após quatro dias do início da menstruação:

  • Sintomas emocionais e comportamentais: depressão, agressividade, irritabilidade, ansiedade, confusão mental, isolamento social, choro excessivo, medos irracionais, perda ou aumento do desejo sexual e compulsão por carboidratos.
  • Sintomas físicos: mastalgia, distensão abdominal, cefaleia e edema de extremidades, aumento de gases, cansaço, constipação ou diarreia e dores nas costas.

TIPOS DE TPM

A TPM está classificada em quatro tipos: A, C, H e D, de acordo com a predominância dos sintomas. Esta classificação não é uma regra. Uma mesma mulher pode apresentar os sintomas de um ou mais tipos de TPM.

TPM TIPO A: as mulheres ficam ansiosas, oscilação de humor, irritadas, tensas e até mesmo agressivas. Este é o tipo mais freqüente.

A irritabilidade, pode ser atribuída ao fato de que mulheres com SPM têm níveis menores de endorfinas do que mulheres controles normais14. Porém, a teoria mais aceita afirma que esse quadro é desencadeado por preponderância de ação estrogênica, por hiperestrogenemia ou hipoprogesteronemia. A ansiedade e a insônia estão relacionadas aos altos níveis de estrôgenio.

TPM TIPO C: caracteriza-se pelo aumento do apetite, compulsão alimentar (predominando a compulsão pela ingestão de doces, como chocolates), fadiga, dor de cabeça e palpitações. O desejo por doces pode ocorrer por conta da diminuição das endorfinas.

A cefaléia poderia resultar da alteração da atividade contrátil da musculatura lisa dos vasos, para a qual concorrem a serotonina, as prostaglandinas e os estrogênios, agravando-se pela falha no sistema endógeno de analgesia, por depleção das monoaminas e dos opióides.

TPM TIPO H: há aumento súbito de dois a três quilos no peso corporal, aumento das mamas (mastalgia), dor e distensão abdominal. A mastalgia está ligada aos níveis alterados de prolactina, causados pela SPM. A congestão e o aumento de peso, causado pela retenção hidríca é ocasionada pela secreção de aldosterona, progesterona e estrogênio. Em relação às alterações de comportamento avaliadas nas participantes do presente estudo, as mais prevalentes foram a irritabilidade e o desejo por alimentos, como o chocolate.

TPM TIPO D: é o menos freqüente e os sintomas predominantes são choro fácil, sonolência ou insônia, confusão mental e depressão. As alterações do comportamento como o choro fácil, estão relacionados aos esteróides ovarianos, as endorfinas e à noradrenalina. A depressão é um dos sintomas mais freqüentes na SPM. A deficiência de vitamina B6, que normalmente funciona como co-fator para a síntese de dopamina e de serotonina a partir dotriptofano.

A alimentação pode lhe ajudar e MUITO no controle dos sintomas, abaixo dicas dos nutrientes e fontes alimentares que você pode utilizar:

  • Triptofano: Aminoácido precursor da serotonina. Cacau, banana, grão de bico.
  • Vitamina B6: Esta vitamina atua como co-fator na produção de serotonina, além de atuar sobre os sintomas principalmente relacionados ao humor, diminui a retenção hídrica, por ser levemente diurética. Gérmen de trigo, cereais integrais, legumes, batatas, bananas e aveia.
  • Vitamina B2: Interfere na ativação da vitamina B6. Levedo de cerveja, leguminosas, arroz integral, ovos, óleo de peixe.
  • Vitamina B3 Melhora os sintomas relacionados à fadiga, depressão e ansiedade. Carnes, ovos, atum, abacate, leite, figo e arroz integral.
  • Vitamina E: Diminui o incomodo dos seios inchados. Óleos vegetais, manteiga, ovos, amêndoas, gérmen de trigo, grãos e cascas, ovos, espinafre, abacate.
  • Magnésio: Melhora a retenção hídrica, diminui irritabilidade, cólicas e fadiga. Vegetais verdes escuros, cereais integrais, grão de bico, semente de abóbora.
  • Cromo: Estabiliza os níveis de açúcar no sangue, impede liberação exagerada da insulina o que acarreta maior ganho de peso. Maçã, espinafre, gérmen de trigo, melhor fonte (AIPO).
  • Ácidos graxos essenciais: óleo de linhaça, GLA – ácido graxo gama linolênico (óleo de borragem e prímula) – importantíssimo nos sintomas de TPM, faz o equilíbrio dos hormônios femininos.
  • Linhaça: Para obter os benefícios das lignanas da linhaça é necessário hidratá-la. Ex. Deixar uma colher de sopa cheia em um copo de água à noite e utilizar essa água para bater um suco na manhã do dia seguinte.
  • Mix de sementes: Contém alta sinergia entre os minerais. Gergelim, semente de abóbora e semente de girassol.
  • Dica para melhorar os inchaços: Cavalinha, hibisco, centella asiática, dente-de-leão, abacateiro. Pode misturar tudo. Utilizar 2 colheres de sopa para 1 litro ao dia. Deixar em infusão por 10 minutos, coar e tomar durante o dia.

Cuidado com Amora, Angélica e Yam Mexicano que são fitohormônios, não utilizar por mais de 3 meses (pode interferir na eficácia do anticoncepcional).

As mudanças no seu estilo de vida, no que se refere a uma alimentação mais saudável e adequada, a prática de exercícios físicos, o controle emocional e até a inclusão de suplementações prescritas individualmente se necessário, irão trazer mais qualidade de vida para as mulheres que sofrem mensalmente com a TPM.

Roseli Rossi  é  colunista do Mulheres de Quarenta. Nutricionista formada pelas Faculdades Integradas São Camilo (CRN 2084 /1983), com título de Especialista em Nutrição Clínica concedido pela ASBRAN – Associação Brasileira de Nutrição. Pós Graduada nos cursos de especialização de Planejamento, Organização e Administração de Serviços de Alimentação; Fitoterapia Aplicada à Nutrição Funcional e Nutrição Ortomolecular com Extensão em Nutrigenômica. É Diretora da Clínica Equilíbrio Nutricional e autora dos Livros: “Saúde & Sabor com Equilíbrio” – Receitas Infantis, “Saúde & Sabor com Equilíbrio” – Receitas Diet e Light Volumes I e II, Colaboradora do livro Nutrição Esportiva – Aspectos relacionados à suplementação nutricional e autora do Livro “As Melhores Receitas Light da Clínica Personal Diet”.

 

 

 

Moderna até no trabalho

Tem coisa mais gostosa do que se arrumar para nós mesmas?

Eu adoro!

E como nem sempre tem um programa especial, eu me arrumo mesmo que seja pra ir trabalhar.

 

E hoje em dia não tem mais essa de usar roupinhas caretas para o trabalho. Claro que dependendo do local aonde você trabalha não poderá ousar tanto. Nada de transparências, roupas muito justas, decotadas e curtas! Deixe isso para o encontro que você vai ter logo mais a noite! Tomara, heim?

As mulheres de quarenta de hoje são bem diferentes daquelas de antigamente.

Sapatos e bolsa da Michèle Neyret Acessórios

Hoje, as mulheres se preocupam muito mais com a aparência. E isso faz toda a diferença inclusive no seu ambiente de trabalho!

Uma pessoa vestida adequadamente em poucos minutos passa uma boa imagem. Sim, o modo como você se veste cria credibilidade. Pode reparar nisso!

Sapatos da MIchèle Neyret Acessórios

Ainda que você use roupas mais básicas, invista nos lenços, bijuterias, bolsas e sapatos.

Mas cuidado com os exageros. É preciso ter equilíbrio para que os acessórios não briguem entre si!

Um beijo, meninas e até a próxima!

Vanessa Palazzi idealizadora do Mulheres de Quarenta.

 

 

4 passos para escolher seus relacionamentos

Por Gisela Campiglia

É muito positivo acreditar no ser humano e adotar uma postura social inclusiva para atrair bons relacionamentos em sua vida. Observe as pessoas sem julgamentos antecipados, utilize a coerência para construir boas relações, mas evite a ingenuidade!

Abaixo estão os quatro passos importantes para você selecionar seus relacionamentos.

1) Analise os Motivos do Interesse.
Em toda relação existe interesse, a conexão pode acontecer através de uma real afinidade ou por conveniência. O interesse no simples prazer de estar ao lado de alguém similar, é o motivo da união por compatibilidade. Já a ligação por conveniência, depende da utilidade que você terá na realização das necessidades do outro.  Não há problemas em estabelecer uma relação baseada em interesses profissionais, sexuais, financeiros, ou mesmo espirituais. Perceber qual é o real motivo da aproximação das pessoas em sua vida, irá lhe poupar a vivência de muitas decepções. Você saberá o que ofertar e não ficará esperando do outro algo que ele não está disposto a lhe oferecer.

2) Observe o Discurso.
Palavras bem colocadas podem causar um grande impacto. Pessoas eloquentes e persuasivas tendem a direcionar a forma com que as percebemos. Valorize mais o comportamento das pessoas do que o discurso que elas verbalizam. Observe como tratam as pessoas mais simples, ou, aquelas que não oferecem uma oportunidade vantajosa para elas. Se a pessoa tem um comportamento gentil com o outro, quando você esta presente, e na sua ausência se porta de forma grosseira com o próximo, você deve ficar alerta quanto a confiabilidade desta pessoa.

Quando você receber elogios, verifique se são feitos de coração ou se são apenas uma forma de bajulação no intuito de ganhar seu apreço. Preste atenção, não permita que seu ego o engane, sinta o outro, diferencie o falso elogio da admiração genuína feita de coração. Palavras voam ao vento, mas fatos e resultados não podem ser mascarados.

3) Verifique se há afinidade de valores.
As pessoas que cultivam os mesmos valores que você são as mais indicadas para qualquer tipo relacionamento, seja pessoal ou profissional. Compartilhando dos mesmos princípios, elas tendem a ser leais e respeitosas com você e seus objetivos. Há uma enorme chance de serem grandes auxiliares na realização da sua missão de vida.

4) Identifique a capacidade de aceitação e doação do outro.
Considere a capacidade de aceitação e doação das pessoas com quem você vai se relacionar. Tenha certeza de que elas não estão esperando sempre a perfeição de sua parte. Observe como elas se comportam quando você lhes nega um pedido. Veja se as pessoas se esforçam para manter uma troca positiva, mesmo conhecendo suas limitações. Perceba o quanto elas o aceitam e estão dispostas a investir na relação.

Seja na relação de amizade, romântica ou profissional, realizar uma escolha coerente é primordial para o sucesso de qualquer relacionamento.

Até a próxima!

Um beijo,

Gisela Campiglia

Formada em psicologia, física quântica, bioenergia e metafísica. Trabalha com desenvolvimento pessoal, promove palestras, escreve artigos e é colunista do Mulheres de Quarenta.

Reconheça os sinais que a vida lhe dá

Por Gisela Campiglia

Por vezes, apesar de todo o esforço que fazemos para alcançar nossos objetivos, infelizmente, não conseguimos alcançar os resultados desejados. Nos sentimos solitários e ficamos em dúvida sobre qual é a melhor direção a seguir. Antes que a ansiedade e o desanimo comecem a tomar conta das nossas emoções, devemos pedir para que a vida nos envie seus sinais. A vida não abandona ninguém, ela nos enviará sinais imateriais que auxiliam a realização de nossas metas. Sabendo interpretar esses sinais é possível adequar nossas atitudes na direção correta para atingir nossos propósitos de vida.

As coincidências não existem, elas são avisos da vida nos mostrando que devemos ficar alertas para receber uma orientação. O simples fato de acontecer uma coincidência não significa que estamos atuando na direção certa. O significado que cada coincidência nos traz deve ser identificado pela sensação que captamos no momento em que ela acontece. Porém, para conseguirmos utilizar nossa capacidade de percepção com eficiência, precisamos estar em harmonia. A agitação mental e o desequilíbrio emocional poluem o nosso discernimento, por esse motivo impedem a captação dos sinais imateriais que a vida nos passa. Outro aspecto importante que potencializa nossa percepção é saber se interiorizar, para que possamos observar o mundo exterior sem nos contaminar com ele.

Quando acontecer uma coincidência em sua vida preste atenção, não faça julgamentos premeditados. Interprete os acontecimentos através dos seus sentimentos e intuição. Se a sensação for desconfortável, haja com cautela e reavalie seu plano de ação. Perceba se é necessário apenas recuar momentaneamente, ou se é imprescindível mudar de direção. Se você tiver uma impressão agradável significa que está no caminho certo, com firmeza mantenha sua linha de atuação para conquistar seus objetivos.

As formas com que as coincidências acontecem em nossa vida são diversas, elas podem ocorrer através de conversas, fatos, notícias, leituras e até mesmo assistindo televisão. Não importa qual é a área de sua vida em que você está enfrentando dificuldades, as informações vão chegar sinalizando a melhor atitude a ser tomada. A única coisa que você não pode fazer é perder a confiança na vida e se abandonar.  A vida sempre nos responde de acordo com a postura que assumimos, não desista.

Quando você estiver indeciso sem saber o que fazer, peça ajuda e receba os sinais que a vida lhe passa. Mas, não basta reconhecer os sinais, é preciso tomar as providências necessárias. A vida não é dura nem difícil, a vida é nossa grande aliada!

Até a próxima reflexão!

Um beijo,

Gisela Campiglia

Formada em psicologia, física quântica, bioenergia e metafísica. Trabalha com desenvolvimento pessoal, promove palestras, escreve artigos e é colunista do Mulheres de Quarenta.

 

Refém de si mesma

Colaboração de Gislene Teixeira

“Quase todas as pessoas querem um relacionamento, mas o que é, e como ele começa?

Relacionamentos se iniciam quando nem sabemos explicar bem o porquê. Começam com um olhar, um bom dia, um sorriso, um café, um choppinho, um jantar, um cinema, um final de semana na praia e outro no campo, uma noite fria, uma lareira, uma taça de vinho, até que os programas se intensificam.

Um beijo roubado  entre um sorriso e outro e, quando você se dá conta, já está envolvida com alguém.

As pessoas entram em nossa  vida meio que  por acaso e ficam por vontade própria. E é isso que traz a leveza de querer estar com alguém. Mas fique atenta aos sinais! Se o que era espontâneo no início  passa a ser obrigatório, alguma coisa pode estar errada.

As cobranças, exigências, as regras muitas vezes  inflexíveis, a agenda fechada e a exclusão dos amigos são alguns dos sinais de que algo não vai bem. O ciúme, a manipulação e o controle excessivo carregam a relação e nesse momento é bem possível que você perceba que a leveza se perdeu em algum lugar e que o riso fácil, aquele que você soltava com facilidade no início do relacionamento, já perdeu a sua leveza.

Nesse caso é bem provável que um dos dois já não queira mais estar na relação. A fase do “tanto faz, como tanto fez”, “do deixa a vida me levar”, do “vamos ver o que vai acontecer” é um sinal bastante claro de que as coisas não vão bem, ainda que seja difícil admitir.

O que fazer quando a relação chega a esse ponto? Ficar, insistir, consertar, desistir, chorar e implorar : “fica comigo, vamos tentar novamente?”

E quantos novamente, quantos recomeços você pretende ter? Antes de tudo e de qualquer coisa, reflita. O que de fato sinto, quero e espero é amor?  Estou acostumado com essa pessoa e com essa relação que entrou no modo “zona de conforto”?

Insistir que o outro fique com você ou tentar impedir que o outro saia da relação é acabar com todo o encanto que havia no início. Se você precisa convencer ou manipular o outro com promessas e juras de amor para que ele fique com você, ou vice-versa, saiba que você é sim refém dessa relação. E isso pode ter sérias consequências.

Se uma das partes não se relaciona por espontaneidade, amor, desejo, tesão, mas sim por insistência do outro, obrigação, manipulação, persuasão, dependência emocional, financeira,  status social, familiar, chantagem ou promessas, algo de muito errado pode estar acontecendo.

Pense bem se você está em um relacionamento como convidado ou como refém. Se alguém faz alguém de refém para alimentar seu ego, sua vaidade ou por covardia de assumir para você mesmo é hora de dar um basta e começar tudo de novo. Ainda que seja dolorido pra você.

A vida é feita de escolhas, decisões e atitudes. Acasos não acontecem, a não ser que você terceirize sua vida. E nesse caso, o ciclo se retroalimenta. Se você terceirizou, você é sim, um refém das decisões alheias.

Reflita! Você tem que estar sempre em primeiro lugar!”

 

Gislene Teixeira – Pós graduanda em sexologia –FMABC –Faculdade de Medicina do ABC, Coach de relacionamento, consultora erótica, palestrante e colunista.

Makes de inverno

Todo mundo sabe que as estações também influenciam as cores usadas na maquiagem. E todas nós podemos ousar e fazer novas experiências para dar uma atualizada no nosso look. Que tal?

A Fernanda Libretti, nossa consultora de maquiagem aqui do Mulheres de Quarenta nos apresenta as dicas e tendências para o Inverno 2017. Vamos ousar? Confiram!

“Uma nova estação chegou e com ela mudam os sapatos, as roupas, os acessórios e não podemos esquecer a maquiagem. Uma parte tão importante do look não poderia ficar de fora das novas tendências.

Uma das cores de sombra que foi bastante usada nos desfiles de moda é a bronze.  É um tom sofisticado e apesar de conferir um pouco de brilho a produção é indicada para usar de dia e também à noite.

Queridinho das famosas e das blogueiras o iluminador é item essencial no seu necessaire de inverno. Ele destaca as áreas do rosto como o canto interno dos olhos, abaixo do arco da sobrancelha e têmporas dando ao look iluminação, aquela pele glam que tanto ouvimos por aí.

É fã dos batons escuros? Pois saiba que as cores de sucesso no verão continuam em alta na estação mais fria do ano. Do tom berinjela ao preto não tenha medo de usar e ousar. Clássico e atemporal o vermelho pode ser a aposta para quem ainda não está preparada para outras cores e se você prefere um visual mais clean saiba que o gloss está de volta. O sucesso dos anos 90 está totalmente repaginado e tecnológico e não deixa mais aquela sensação pegajosa na boca.

Não se esqueça que você pode equilibrar o tom escuro dos lábios ao usar um olho mais claro e a pele natural, corrigida mas sem exagerar na quantidade de produto!

Espero que vocês usem muito essas dicas!

Beijo e até a próxima!”

Conheça mais sobre o trabalho da nossa querida Fernanda Libretti

 

 

Contos de fada existem sim

Como dizer que isso tudo está errado? Que não encontraremos essa pessoa tão especial? Que o amor é mentira e romantismo é ilusão? Não, não  sejamos extremistas, nem tanto ao céu e nem tanto á terra. Sim, a boa notícia é que o amor existe, sim. E que cada uma de nós queremos e podemos encontrar o amor da nossa vida. Somos seres sociáveis e não nascemos para vivermos sozinhos.

Mas como é que a gente consegue transformar o conto de fada em realidade?  Simples? Não, nem tanto, você vai precisar de empenho e dedicação para encontrar o “príncipe” e  viver um lindo amor romântico  e feliz.  Pessoas se conhecem o tempo todo, podemos até mesmo dizer que isso acontece por acaso, meio sem querer, sem planejar, simplesmente acontece. Quando vemos já esbarramos na pessoa no metrô lotado, no corredor do supermercado, no caixa da padaria. Agora fazer com que essa pessoa que conhecemos seja uma pessoa que venha a se relacionar conosco, a acrescentar algo positivo em nossa vida, conviver e agregar, já requer empenho e dedicação.

Relacionamentos saudáveis só existem quando há investimento e dedicação neles e por ambas as partes. Relacionamentos necessitam de novos caminhos para velhos destinos, mude o caminho, a forma, o jeito de fazer a mesma coisa. Inove, crie, inspire, surpreenda. O óbvio não existe, o que parece ser óbvio para um, pode ser completamente desconhecido para o outro, portanto, recrie o óbvio que só existe na sua realidade, nas suas crenças, só existe para você.

Relacionamentos são formados por respeito e admiração e mais mil outros itens, mas se perder o respeito e a admiração, não sobra mais nada. Aposto que de tempos em tempos você troca o salva-tela do seu computador, o pano de fundo do seu celular, acertei? E por que você faz isso? Provavelmente porque enjoou ver a mesma imagem sempre ou porque agora uma nova imagem despertou sua atenção e você desejou te-la no lugar da outra que já tinha.

E o que te faz pensar que quando somos o “pano de fundo” na vida de alguém podemos ser o mesmo por 1, 10, 20, 30 anos e acreditarmos que a outra pessoa tem obrigação de continuar gostando e desejando como a primeira vez. Isso faz algum sentido para você?

Seja como as estações do ano, de tempos em tempos, mude. Não seja o algoz da sua própria protagonização. Quando perceber que o vento está tirando a purpurina do seu relacionamento, traga um novo brilho, rompa o silêncio com uma risada gostosa, explore os sentidos, coloque uma música, puxe seu príncipe pelo braço e dance como se ninguém estivesse olhando.

Acenda uma vela aromática, queime um incenso, toque, toque seu parceiro, há quanto tempo você não faz um carinho despretensioso no rosto dele e fala palavras gostosas para ele? Por que você vai ficar esperando e mais que isso, cobrando por atitudes  ou atitudes diferentes dele? Seja você a tomar atitude, surpreenda.

Lembre-se! Conto de fada real existe sim! Boa sorte!

Colaboração de Gislene Teixeira, palestrante, coach de relacionamento, consultora e colunista do Mulheres de Quarenta.

 

Cavalheirismo é sim elegante, e elas gostam!

Ao contrário do que pode se pensar, cavalheirismo é sim elegante e elas gostam! É sempre admirável se deparar com homens que carregam esse valor.

Normalmente é algo natural, espontâneo. A gente sente quando parte de uma iniciativa própria e de atenção com a mulher.

Um homem cavalheiro sabe respeitar, atender aos cuidados, é observador e sabe como agradar e valorizar a mulher, sem precisar que ela lhe chame atenção pra isso.

Cavalheirismo é algo a ser resgatado senão, mantido diante dessa estranha confusão nos relacionamentos, quando as mulheres se tornaram mais independentes e tomaram à frente dos encontros e pedidos de namoro.

Em meio ao também “amor virtual”, ainda se espera atitudes espontâneas e orgânicas dos homens, e não só no lance da conquista, sempre.

Leia mais: Cavalheirismo é sim elegante, e elas gostam!

As sete vidas das Mulheres de Quarenta

Eu confesso. Já morri de amor algumas vezes. E morri de “morte morrida” mesmo. Daquele jeito que você chega a desfalecer de tanta dor. Sim, e como dói! Mas afinal, quem nunca sofreu por amor?

Só quem já amou de verdade e se doou numa relação sabe do que estou falando, porque, queira ou não, se não há dor quando a relação chega ao fim, é porque já não era amor. É inevitável. A sensação de perda, do fracasso de uma relação que não deu certo é um tanto quanto dolorida. Alguns lidam melhor com esse sentimento, outros não.

Apesar de toda a sublimidade do amor, nem sempre ele é correspondido como gostaríamos que fosse. Às vezes você se doa muito mais do que o outro e cria expectativas que te fazem sofrer. Esperar que o outro se manifeste da mesma forma que você na relação é um erro primário para quem quer se aprimorar na arte de amar.

Isso não quer dizer que ambos não possam se comportar de maneiras diferentes na relação. Você pode, por exemplo, ser mais carinhosa que o seu parceiro, mas ele pode verbalizar o amor muito mais do que você. O importante é que ambos tenham os mesmos objetivos. Opostos nem sempre se atraem no amor. Os dispostos, ah…, esses sim estão fadados a ter sucesso nas relações.

O fato é que ninguém nunca está preparado para sofrer. Não se entra numa relação apostando que não dará certo. Se assim fosse, milhares de casamentos nunca seriam desfeitos. Por outro lado, se não corrermos o risco de viver novas experiências, seja por traumas do passado ou pelo medo de sofrer, nunca mais vamos poder experimentar as dores e as delícias de se amar alguém. E como nós, Mulheres de Quarenta, temos sete vidas, já sabemos que o tempo é o melhor remédio para superar a dor de um amor.

Eu desejo que você seja muito feliz! Boa sorte no amor!

A ceia de Natal

1222-receita-de-natal-10-dicas-site-1024x769

Você, assim como eu, deve estar se programando para a Ceia de Natal. Por isso, mais uma vez recorri a minha querida amiga e consultora de imagem Lilian Riskalla para dar dicas de como receber e o que fazer para arrasar nas Festas de Fim de Ano. Vejam as dicas que ela nos dá. Espero que gostem!

“A ceia de natal envolve muitas tradições familiares. Algumas famílias têm suas próprias receitas “secretas” para a ceia de natal, outras comem apenas os pratos natalinos tradicionais, como peru ou chester.

Cada país tem em sua ceia de natal algumas peculiaridades, muitas pessoas seguem o menu europeu, mas esquecem que é inverno no Hemisfério Norte. A ceia de natal brasileira incorporou várias receitas locais, como a rabanada e o bolinho de bacalhau, que chegou ao país com a colonização portuguesa, além de pratos mais leves adequados ao nosso verão.

rabanada_link

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se quiser sair do tradicional, opte por contratar um buffet contemporâneo ou você mesmo pode preparar receitas diferentes e montar o próprio menu da sua ceia, não faltam sugestões interessantes super fáceis de encontrar na própria net.

Se for receber durante a passagem de ano novo, prepare receitas para que seu ano novo seja próspero.

Como prato principal, prepare uma deliciosa carne de porco, acredita-se que a capacidade do animal de gerar muitos filhotes atrai prosperidade para quem a saboreia. Você pode optar também pelo preparo de um prato com peixe, pois ele é considerado o portador da boa sorte e da purificação. Devido ao grande número de ovas que ele produz, seu consumo lembra também a ideia de fertilidade para o novo ano. O arroz com lentilhas é uma ótima opção de acompanhamento dos pratos principais, é simples e rápido de fazer e não se esqueça das romãs.

Como na Ceia do Natal, você tem a opção de fugir do menu tradicional e optar por um menu contemporâneo e inusitado.

ceia-de-natal_large

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Capriche na decoração da mesa, você pode inovar e criar ou montar inusitado, algo totalmente de acordo com seu estilo mesmo focando no tema,se o jantar for tradicional use uma linda toalha, num caso mais informal o jogo americano pode ser usado. As louças devem ser escolhidas para combinar com a toalha, ou com os guardanapos e flores, as brancas são mais fáceis, você pode acomodar os pratos em souplats.

decoracao-mesa-para-ano-novo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Capriche nas taça, copos e nos enfeites, use castiçais, se quiser, desde que não atrapalhem a visão.”

Boas Festas!

Beijos!

Evite gafes nas festas de fim de ano

festa-nata-etiqueta

Mais uma vez a nossa querida consultora de imagem e comportamento Lilian Riskalla veio nos dar a sua contribuição para o Mulheres de Quarenta. Como estamos perto das festas de fim de ano, nada melhor do que falar sobre etiqueta nesse clima de Natal. Que tal? (Rimou! rs)

“Natal e Ano Novo estão chegando e nessa época se intensificam os almoços, jantares com amigos e familiares.  Por isso, vamos esclarecer algumas dúvidas quanto ao comportamento para evitar algumas gafes.

Quando você é a convidada…

Presentes

É gentil levar presentes para as pessoas que você conhece e tem mais intimidade, mas não existe uma obrigação de levar presentes para todo mundo, como a namorada do seu primo, a sogra do seu irmão e assim por diante. Você não precisa comprar presentes caríssimos: use o bom senso, o bom gosto e a sua criatividade.

Nas refeições

Na mesa, sente-se ereta na cadeira. Nada de despencar na cadeira. Não se precipite e nem sente em qualquer lugar. Quando a dona da casa chamar para sala de jantar, espere que ela indique seu lugar. Se for um jantar sentado, não se debruce sobre o prato que vai comer. Ao contrário, fique atenta: não reclame da comida em hipótese nenhuma, mesmo que não goste do prato.

Peça para servirem pouco e coma somente a guarnição. Se não gosta do que lhe serviram, disfarce. Toque a comida com os talheres. Se tiver ingredientes que você tem alergia, não faça alarde. Não reclame do serviço.

Você pode até beber mais de uma dose, desde que NÃO FIQUE EMBRIAGADA!

mulher-vinho-580x385

Nada de pentear ou ajeitar o cabelo, nem retocar a maquiagem enquanto estiver sentada à mesa, em momento algum use palito de dentes ou fio dental. Também é uma gafe terrível limpar os dentes com a língua ao final da refeição. Quando terminar de comer, deixe o prato exatamente onde estiver. Empurrar o prato para frente é uma grosseria imperdoável.

Se já está tarde e você não vê a hora de ir embora, deve se despedir e se retirar, sem esquecer de agradecer o convite e elogiar a qualidade da festa. No dia seguinte, telefone e cumprimente os anfitriões pela festa.

Se você é quem convida:

Em ocasiões informais, o convite pode ser feito pessoalmente, por telefone, ou mesmo por e-mail, com no mínimo, seis dias de antecedência. Receba os convidados com pontualidade, caso ocorra algum imprevisto que a atrase ao receber, peça a um membro da família para representá-la.

Receba a todos com naturalidade e descontração, seus convidados devem se sentir à vontade. Você, anfitriã, não precisa comprar presentes para todos os convidados. Em família é importante adotar um critério. Pode-se optar pelo amigo-secreto. Preste atenção aos convidados até o último minuto. Acompanhe-os  até a porta e, se necessário, até o carro, quando eles forem embora.

Você pode beber, mas NÃO FIQUE EMBRIAGADA!

Aproveite bem esse período para se programar. Espero vocês no próximo post.

Um beijo da Lilian Riskalla.”

Como se comportar no ambiente de trabalho

gestao_de_pessoas

Numa conversa com a minha amiga Lilian Riskalla, que é consultora de imagem e comportamento, falávamos sobre as gafes que muitas pessoas cometem no ambiente de trabalho. A Lilian é professora da FAAP e da Belas Artes e é super expert no assunto. Pedi que ela nos ajudasse.  O que parece divertido, pode ser trágico! Até mesmo colocar em jogo o seu emprego!

Vejam só as cinco regras principais de etiqueta empresarial que facilitarão a sua convivência no ambiente de trabalho.

“A etiqueta corporativa é necessária em todos os nossos relacionamentos comerciais  a fim de realizarmos nossos negócios com cortesia e gentileza, para tornar nosso ambiente mais agradável  e facilitar a interação com pares, clientes e chefes.

Respeito 

Sempre tratar a todos como gostaria de ser tratado desde o estagiário, até o presidente. Todos somos humanos e dignos de respeito. E isso vale para todo os níveis de interação: na relação com os chefes, na relação com os pares bem como com os seus subordinados.

Simpatia e Educação

Cumprimentar a todos de forma educada e simpática, sempre.

Por favor, obrigada, como vai e até logo são frases que jamais devem ser esquecidas.

como-lidar-com-colegas-de-trabalho-dificeis

Respeito à Hierarquia

A etiqueta no mundo corporativo é baseada na graduação, portanto sempre mantenha a noção de hierarquia. Nunca passe por cima do seu superior. Não peça o cartão nem saia puxando assunto com o CEO da empresa ou qualquer superior, mesmo que ele seja muito simpático. Aguarde que ele tome a iniciativa.

Em uma apresentação, a pessoa mais importante ou de maior autoridade é mencionada primeiro nas apresentações. O cliente é sempre a pessoa mais importante e deve ser apresentado aos colegas, independente da hierarquia. Para pessoas com o mesmo nível, passam a valer as regras de etiqueta social: o mais velho e a mulher são mencionados primeiro.

Empatia

Conflitos acontecem o tempo todo, seja nas relações sociais como nas profissionais. Nem sempre todos concordam entre si. Opiniões diferentes devem ser discutidas e decididas baseadas em números e estudos reais de resultados e não meramente em opiniões pessoais.

os-comportamentos-mais-desagradaveis-do-mundo-corporativo

 

Tópicos Inadequados

Existem tópicos que devem ser evitados em conversas de negócios para não gerar discórdias ou mal entendidos.

  • Alterações de peso ou na aparência
  • Problemas de saúde ou problemas em casa
  • Fofocas, boatos
  • Vida amorosa
  • Questões financeiras
  • Piadas referentes a algum grupo, etnia, religião
  • Pontos de vista fortes sobre religião, política

boicot

O nosso trabalho deve nos trazer realizações, prazeres e alegrias. Repseitar essas cinco regras báscias poderá ajudar você a manter um bom ambiente no seu local de trabalho.

Adorei estar com vocês, Mulheres de Quarenta.

Um beijo,

Lilian Riskalla”

 

Ela volta, viu, meninas!

Estrelas negras

15055668_10202356611673675_8177938579631766676_n

Brilhem, meninas! Bilhem muito!

Eu queria muito fazer um post dedicado a todas as negras lindas que acompanham o nosso site e redes sociais do Mulheres de Quarenta e claro que eu pedi uma mãozinha para a Gisele Gaspar, da Giz.

“Meninas, vamos falar dessa beleza que encanta os quatro cantos do mundo.

Na minha opinião, o cabelo “black” cria uma personalidade incrível para as mulheres que gostam de ousar.  Sou super fã e acho que passa muito estilo já que as negras têm uma beleza muito marcante. O cabelo crespo deixa o look estiloso sem fazer muito esforço.

15134764_10202356609953632_5262456218249291990_n 15109347_10202356610073635_7307218077236918255_n

 

Abusem das cores mais abertas e fortes que ficam lindas e combinam com o sorriso extenso e marcante.

15036340_10202356609033609_7101516528161326693_n 15078930_10202356609233614_8123840133691942784_n

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As cores claras também se sobressaem na pela negra que não precisa de muita maquiagem para ficar com uma fisionomia saudável.

15095018_10202356608713601_7669354456302626710_n-2 15109441_10202356608553597_4851217730109997770_n 15085665_10202356610473645_2878843098830110287_n

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Abusem da beleza de vocês com muito estilo, com o cabelo autêntico que a natureza lhes presenteou, a pele que valoriza as cores, os dentes lindos que saltam da boca e as curvas femininas e o gingado que só vocês têm!”

15107382_10202356610873655_5356399392238733062_n 15138581_10202356611233664_3396471019354171616_o

 

Arrasou, Gisele Gaspar! Obrigada Giz!

Gostaram, meninas? Um beijo e até a próxima!

Enganar sua amante é crime

homem-casado-30-147-thumb-570-jpg-pagespeed-ce-zp1sjeqnhwHoje o assunto é sério. Já ouviu falar de fraude sexual? Pois é. Esse é um crime muito mais comum do que você pode imaginar, inclusive previsto no artigo 215 do nosso Código Penal.

Mas vamos entender melhor como isso funciona. Você conhece um homem e se encanta com ele. Afinal, ele é charmoso, atraente, conta das suas viagens, fala sobre suas conquistas profissionais e seus bens materiais, mas entre todas essas coisas, a melhor de todas, ele lhe confessa que é solteiro e está a procura de um grande amor. Que tal?

Com tudo isso, você se deixa levar e ele consegue tudo o que quer. Ele a leva pra cama, você se apaixona loucamente, mas quando resolve pesquisar um pouco mais a fundo sobre a vida do bonitão, descobre que ele é casado, pai de família e que não é absolutamente nada daquilo que lhe falou.

Seu castelo ruiu? Pois saiba que você não só pode, como deve, denunciar essa conduta que é considerada criminosa pela nossa legislação. Mentir para conquistar a amante é crime!

A fraude sexual se enquadra no Artigo 215 do código penal, e apesar de pouco divulgado na imprensa é um crime bastante comum. Ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com alguém, mediante fraude ou outro meio que impeça ou dificulte a livre manifestação de vontade da vítima é crime!

E a coisa é séria! A pena para esses casos é de dois a seis anos de prisão. Portanto, meu amigo, você que se acha o gostosão do pedaço e está usando desse artifício para pegar a mulherada, saiba que você pode se dar muito mal! Principalmente agora, que as Mulheres de Quarenta estão espertas com mais essa informação!

E aí, meninas, gostaram dessa notícia? Divulguem! Muitas pessoas podem estar nessa situação!

Um beijo e até a próxima!

Como usar bem o seu colar

Eu vou confessar pra vocês que tenho uma certa dificuldade pra usar os meus colares. Acho um item de moda muito bacana e descolado, mas nem sempre consigo coordenar da forma correta.

A Gisele Gaspar, da Giz, nossa parceira aqui do Mulheres de Quarenta, resolveu nos dar uma mãozinha. Vejam as dicas e os modos de usar esse acessório incrível e como ele pode mudar o seu visual.

image3

“Os colares longos além da função de ajudar na produção do look, criam uma linha vertical na parte superior e isso faz com que nossos olhos dividam o espaço. Para quem tem ombro largo é uma super opção.

image2 image12 image10

Outra dica é, se tiver cintura fina, o colar vai parar mais ou menos nessa altura e olhar sempre irá para lá, que é sua parte magra.

image11 image9 image8
Bom, eu sou fã de qualquer colar, procure o que fique melhor com cada roupa ou com seu biotipo.

image5 image6 image7

 

 

 

 

 

 

 

 
Adorei estar mais uma vez com vocês, queridas amigas do Mulheres de Quarenta! Até o próximo post! Um beijo, Gisele Gaspar!”

Até mais, meninas!

Se conselho fosse bom

01-600x350Namorar com homem casado, pode? Essa foi a pergunta de uma leitora do blog Mulheres de Quarenta que está se envolvendo com uma pessoa já comprometida.

Embora ela tenha me questionado, não me julgo no direito de aconselhar ninguém nesse sentido, mas não pude deixar de emitir minha opinião. E como diz o bom ditado, se conselho fosse bom ninguém dava, vendia!

Vejam o dilema da nossa amiga que pode ser muito parecido com o que muitas de nós pode viver.

“Namoro um homem casado. Eu o amo muito e sinto que ele me ama também. Às vezes eu penso em deixá-lo e falo que está tudo acabado entre nós. Ele implora e me pede pra voltar. Nós não vivemos juntos e ele não me ajuda financeiramente. Tenho cinco filhos e, apesar dele não ser o pai das crianças, ele as quer muito bem, se preocupa com eles e os trata como se fossem seus filhos. Isso faz com que eu o ame mais, mas o que realmente pesa é o fato dele ter uma mulher. Me ajude, Vanessa, por favor?”

Eis a íntegra da minha resposta:

“Amiga, o que posso lhe dizer? Cada um faz aquilo que acredita que deva fazer. Todas nós temos livre arbítrio e podemos fazer as nossas escolhas, mas temos que arcar com todas as consequências dos nossos atos.

quem-quer

Pergunto: esse homem é a sua única opção nessa vida? Acredito que não, certo? Além disso, quem pode se machucar feio é você.

Eu prefiro a honestidade. Se o relacionamento não funciona mais para alguma das partes é preferível que sejam sinceros e parem por aí. saiam do relacionamento para que depois possam se acertar com outra pessoa que tenham interesse em ficar. Esse seria o correto, mas sei que nem sempre acontece assim. Mas quem sou eu para lhe dar esse conselho? Eu pularia fora correndo! Beijos, boa sorte!”

E você, o que acha? Quero ouvir a sua opinião!

 

Engravidar aos quarenta

img_como_engravidar_depois_dos_40_anos_15482_600Carmem, uma das nossas seguidoras aqui do Mulheres de Quarenta, me procurou para contar sobre a experiência que ela está vivendo aos 46 anos de idade. Inesperadamente, passados 20 anos do nascimento da sua primeira filha, ela descobriu que estava grávida. E é claro que eu quis saber um pouco mais sobre essa história pra poder contar para vocês. Vejam que bacana o depoimento dela.

Carmem, conte-nos como tudo aconteceu?

“Vanessa, sou casada há 27 anos. Eu e meu marido tivemos a nossa primeira filha quando eu estava com 25 anos. Por motivos de trabalho e da vida corrida que levamos, acabei adiando a outra gestação. O tempo passou e, com a chegada dos quarenta, já não tínhamos a menor pretensão.

Quando fiz 42 deixei de usar pílulas anticoncepcionais para não interferir na menopausa. O uso de preservativo foi nossa escolha como método contraceptivo. Do início do ano pra cá eu achava realmente que não estava mais no grupo que teria chance de engravidar. E foi então que inesperadamente engravidei!

Foi uma grande surpresa. A notícia que causou um grande impacto em todos nós. Minha filha, embora com 20 anos, também sentiu um pouco, afinal ela passou muito tempo sendo filha única. Hoje já está aceitando bem o fato de ter um irmãozinho. Meu marido também ficou anestesiado e radiante após o nosso primeiro ultrassom. Estamos emocionados e curtindo cada momento da gestação.”

Eu quis saber da Carmem como era estar grávida depois de tantos anos da sua primeira gestação?

“A diferença é total. Quando minha filha nasceu eu tinha apenas 25 anos. Não curti cada dia, cada momento da gravidez como hoje. Tudo, absolutamente tudo, é diferente! São novas sensações que se devem mesmo ao fato de sermos mais maduras e experientes. Na minha juventude foi tudo muito automático, até por ser a minha primeira experiência como mãe. Hoje dou valor a cada segundo da gestação.

Perguntei à Carmem se ela faria algo de diferente dessa vez.

“Estamos à espera de um menino, o Thiago. É surpreendente a renovação que ele representa em nossas vidas. Uma benção enorme. Com relação à minha primeira experiência como mãe, vou me dedicar mais, trabalhar menos e curtir meu filho intensamente. Vamos viver juntos cada momento.”

O que você diria para as Mulheres de Quarenta que desejam engravidar?

“Meu conselho para as Mulheres de Quarenta que desejam ter um filho é que é imprescindível estarmos com a saúde em dia, nos cercarmos de todos os cuidados para que o bebê e a mamãe estejam seguros. Sigam em frente e curtam e agradecem a Deus por essa benção.”

Gente, não foi demais! Adorei conhecer a Carmem e em breve queremos que ela nos apresente o Thiago! Nós, do Mulheres de Quarenta, desejamos muitas felicidades pra toda a família!

14528268_1245680955482865_1855042014_n

 

Você, a moda e a sua idade

img_7132Uma das coisas mais bacanas de se fazer 40 anos é que a nossa personalidade fica muito mais definida em todos os sentidos, inclusive na moda.

Convidei mais uma vez as nossas colaboradoras, Gisele Gaspar e a Cacá, consultoras de imagem e proprietárias da Giz para falar um pouco mais sobre essa fase da mulher com foco no seu modo de se vestir.

Confiram:

“Quando a mulher começa a se aproximar dos 40 anos ela passa a repensar a sua vida. Nessa idade ela é muito mais segura de si, já se conhece, sabe bem o que quer e, muito melhor, o que não quer para ela.

A mulher ganha força, personalidade, autoconfiança e, queira ou não, muito mais sensualidade. A Giz percebe isso claramente nos atendimentos que faz. Nessa fase de transformação da mulher, a aparência é uma questão importante e o modo como ela se apresenta faz toda a diferença.

Hoje eu quero mostrar para todas vocês, amigas do Mulheres de Quarenta, que a mulher pode sim ser moderna, estilosa e sofisticada a qualquer tempo. E tem mais, ninguém precisa gastar muito para se vestir bem.

Até a próxima, meninas, beijos da Gisele e da Cacá!”

 

14054006_10201982230834388_3264804454588006991_n 14192705_10202030393798432_8653300333404931603_n 14192652_10202069748382272_3320963945626626660_n 14183963_10202061019044044_3868936757139603965_n 14291900_10202092124061650_1935506067015872700_n 14370341_10202117126966707_3261886614812743242_n 14359101_10202120918181485_3834346652450103701_n 14359033_10202109913186367_6018646621899273695_n 14344789_10202113737441971_4130291001576836577_n

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para conhecer mais sobre esse trabalho incrível da Giz é só clicar aqui!

 

O quanto a aparência interfere na nossa felicidade

O quanto a nossa aparência afeta a nossa felicidade? Eu não sei vocês, mas se eu disser que eu não me importo com a minha aparência vou estar mentindo. Eu não sou do tipo neurótica que precisa estar montada ou “perfeita” o tempo todo, mas gosto de cuidar da pele, do corpo, da alimentação, A-MO moda e maquiagem e estar bem com o que eu vejo no espelho é super importante para a minha felicidade.

Antes de começar a viajar, isso não era tão claro para mim. Cuidar da minha aparência era parte da vida. Demorava quase 1 hora para me arrumar todas as manhãs, fazia as unhas toda semana, a cada 3 ou 4 meses eu cortava os cabelos, a cada 15 dias fazia depilação, fazia um check-up médico anual… era tudo meio automático, sabe?

Quando mudei o meu estilo de vida e passei a viver como nômade digital, descobri que um dos efeitos colaterais de estar em tantos lugares diferentes e desconhecidos é a dificuldade para me cuidar. E, quando eu digo me cuidar, não estou falando só de “beleza”, mas de alimentação, exercícios físicos e até da saúde.

Continue lendo:

Fonte: O QUANTO A APARÊNCIA INTERFERE NA NOSSA FELICIDADE? – Fêliz Com A Vida

Maquiagem para pele madura

IMG-20160810-WA0038Depois de passar um dia incrível com as amigas Patrícia Magalhães, fotógrafa e proprietária do Valentina Studio e com a jornalista e maquiadora Fernanda Libretti, resolvemos fazer um post especial com dicas de maquiagem para as Mulheres de Quarenta. A Fernanda é especialista em preparar peles maduras. Ela fez uma maquiagem bonita e natural para que eu pudesse participar do meu Dia de Diva, no Valentina Studio. Hoje, ela participa do nosso blog com essas dicas super bacanas para nós. Espero que gostem. Eu adorei!

 

By Fernanda Libretti

A maquiagem para pele madura tem alguns aspectos diferentes da make feita em uma pele mais jovem, mas não é nenhum bicho de sete cabeças. A regra principal (vale para todas, ok?) é que menos é mais. Quanto menos produto você usar, mais natural e mais fácil será  disfarçar as rugas e linhas de expressão.

13891923_1126466014079495_3270969969391223954_n

A pele madura geralmente é mais seca então nunca se esqueça do fator hidratante, seja na escolha da base ou na hora dos seus cuidados diários. Evite também o efeito mate, uma pele natural e iluminada com aspecto de saudável vai te deixar com a aparência mais jovem.

E por que estamos falando disso? Hoje trouxe algumas  dicas para quem já não tem mais 18 anos mas quer arrasar na beleza!

Acerte na make!

Com a pele limpa, tonificada e hidratada é hora de preparar o rosto com o primer. É ele que vai fazer a sua base deslizar com mais facilidade, fechar os poros e diminuir as linhas de expressão. Procure um primer que seja siliconado.

blur-natura-2
Natura Una Blur Me Prime / preço sob consulta (foto: reprodução)
Smashbox Primer Photo Finish / preço sob consulta (foto: reprodução)
Smashbox Primer Photo Finish / preço sob consulta (foto: reprodução)

 

Quer dicas de corretivos? Aí vai!

radiant-creamy-concealer-nars-claudinha-stoco-2
Corretivo líquido Nars / preço sob consulta (foto: reprodução)
natura_Corretivo_Facial_Cor_Bege_Claro_1
Corretivo líquido Natura Aquarela / preço sob consulta (foto: reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A base para este tipo de pele tem que ser fluida de acabamento natural ou luminoso que disfarça melhor a aparência e o melhor corretivo é o líquido. E o pó? Permitido apenas na zona T e se possível use o translúcido.

Base líquida Mary Kay TimeWise efeito luminoso / preço sob consulta (foto: reprodução)
Base líquida Mary Kay TimeWise efeito luminoso / preço sob consulta (foto: reprodução)
Pó translúcido Antibrilho Quem Disse Berenice? / preço sob consulta (foto: reprodução)
Pó translúcido Antibrilho Quem Disse Berenice? / preço sob consulta (foto: reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Base Maybelline Super Stay 24h / preço sob consulta (foto: reprodução)
Base Maybelline Super Stay 24h / preço sob consulta (foto: reprodução)
Pó translúcido MAC / preço sob consulta (foto: reprodução)
Pó translúcido MAC / preço sob consulta (foto: reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na hora de escolher a sombra evite as cintilantes que chamam demais a atenção para a região e faz com que as pálpebras  aparentem  ser muito caídas e não se esqueça do rímel que levanta qualquer olhar. Já as sobrancelhas podem ser preenchidas com lápis ou sombra marrom com um pincel chanfrado. Não esqueça de esfumar para obter um resultado mais natural.

Contorno e um pouco de iluminador estão liberados, mas sem exageros e nos pontos certos.

Quer dicas de rímel, com preço bom e alta qualidade?

big-e-illusion-mascara-extra-volume-com-efeito-de-cilios-posticos-10g-avon
Máscara para cílios Big Illusion Avon / preço sob consulta (foto: reprodução)
PROD_82638920141216020727
Máscara para cílios The Colossal Volum’ Express Maybelline / preço sob consulta (foto: reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E se te disserem pra não usar batom escuro, esqueça! Qualquer cor fica bem. Se joga!

A Fernanda Libretti está no face e também no instagram. Confiram e sigam suas dicas super especiais!

E se você quiser um Dia de Diva com a Patrícia Magalhães, entre em contato com a equipe do Valentina Studio. Eu recomendo.

Olha aí mais um pouco do nosso ensaio! Até a próxima, meninas! Beijo!

Van

Van 1

Add to cart
AN