Sinais de depressão que indicam a hora de procurar ajuda!

Falar sobre depressão pode parecer muito difícil para algumas pessoas, porém, é necessário abordar esse tipo de assunto justamente para passar conforto para quem pode estar nesse estado e não se sente confortável em buscar ajuda.

A depressão, se não tratada, pode levar até mesmo ao suicídio, que é o mote da campanha atual que ocorre no Brasil: Setembro Amarelo, um alerta sobre a importância da prevenção ao suicídio. 

Por isso, hoje o Mulheres de Quarenta traz à tona um questionamento: quando é a hora de procurar o médico? Quando devemos olhar para dentro de nós mesmas e perceber que o que sentimos pode ser depressão? Separamos 5 sintomas para você manter de alerta:

1 – Mudanças de comportamento

Você do nada se sente triste, sem motivação, e agindo de uma forma completamente diferente sem motivo algum? Repare qual é a frequência e quando isso ocorre, se realmente afeta o seu dia a dia.

2 – Apetite reduzido ou exagerado

Comer compulsivamente para aliviar qualquer problema interno, ou se sentir tão vazio a ponto de nem ao menos querer comer, não é uma atitude comum e saudável. O exagero e a falta indicam algum tipo de transtorno, se não depressão,  muito comum a ansiedade.

3 – Insônia

Não conseguir dormir dias a fio é sinal de que algo faz com que a sua mente não pare. Preocupações no trabalho? Problemas familiares? Se não dormirmos bem, vários pontos de nossa saúde são afetados. 

4 – Solidão

Muitas vezes, nos sentimos sozinhos mesmo com várias pessoas em nossa volta e isso persiste sem qualquer razão, e seja quem for que está ao nosso lado. Não nos sentimos amados e queridos, achando que as pessoas não se importam conosco.

5 – Falta de interesse

Perder o interesse em algo que costumava nos dar prazer e conforto sem qualquer tipo de motivo é um grande sinal de que algo não está bem conosco. Uma coisa é mudança de gostos, outra é falta de vontade em tudo.

Atenção: Se você sentir qualquer um desses sintomas sem qualquer motivo, procure um especialista. Você não está sozinho, e o que você acha ser uma simples tristeza ou uma básica ansiedade pode sim levar a algo mais grave.


Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : Jéssica Mayara

0 Comentário

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.