Querer terminar após anos de casada, o que fazer?

Quando as pessoas se casam, geralmente elas imaginam que o relacionamento dure para sempre, porém não é em todas as vezes  que isso ocorre e é normal. Segundo o IBGE, a maioria dos divórcios acontece a partir dos 40, o que aponta essa fase ser um período de reflexão no relacionamento.

Muitas vezes, são apenas crises que acontecem no casamento, porém, em alguns casos realmente não há o que fazer sendo o divórcio a única opção viável.

Hoje, vamos falar do momento em que realmente não há o que fazer na relação, quando todas as tentativas já foram pelo ralo. Confira algumas dicas do que fazer!

Coloque um prazo para terminar

Quando você tomar a decisão do término, uma boa alternativa é colocar um prazo para si mesma para por um fim ao relacionamento. Caso contrário, você adiará cada vez mais o momento final.

Priorize sua felicidade

Muitas vezes após alguns anos de relacionamento, na hora de dar adeus ao companheiro pode ser que você sinta um pouco de pena por deixar a pessoa que conviveu por tantos anos. Porém, é importante que você pense que infeliz você jamais conseguirá fazer a pessoa ao seu lado feliz.

Portanto, prolongar uma relação que não quer, fará mal a ele também.

Tenha coragem

A coragem é a grande diferença entre ser feliz ou não, portanto, é essencial que você olhe para dentro de você e busque coragem onde se sentir melhor para definitivamente colocar um fim ao relacionamento que não deu certo. Conversar com amigos pode ajudar e começar terapia pode ser tudo o que precisa para ter a grande coragem.

Seja clara

Seja clara no dia a dia com seu companheiro sobre as coisas que não estão te fazendo feliz, para que na hora do término ele não seja simplesmente pego de surpresa. Mostre exatamente o que não te agrada.

Cuidado com os filhos

O momento pré-termino pode ser um tanto quanto conturbado, com muitas brigas e problemas, exatamente por isso é essencial que você saiba deixar os seus filhos fora de todo esse problema. Não brigue na frente deles e nem ao menos leve a eles as suas impressões sobre o companheiro. É essencial poupá-los desses problemas para que não vejam o pai com outros olhos.

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : Jéssica Mayara

0 Comentário

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.