Que seja eterno

Homem-e-mulher-se-beijandoNum encontro entre amigas falávamos sobre as inúmeras causas que levam ao fim um relacionamento. Cada um tem as suas justificativas. Nunca se trata de um único motivo. A vida a dois é cheia de altos e baixos. Alguns casais conseguem superar, outros não.

É de se impressionar os altos índices de divórcio no Brasil. A cada ano os números aumentam mais e mais. A falta de tolerância, de paciência e de disposição para levar uma vida juntos são alguns dos fatores que levam os casais a optarem pela separação. Bem diferente da época dos nossos pais quando a máxima era: “Casou, agora aguenta!”.

A verdade é que nem tudo dura para sempre. E essa é a grande frustração depois que tudo chega ao fim. Ninguém casa pensando na separação. Temos expectativa de que os relacionamentos nunca terão fim. De que veremos nossos filhos crescerem e juntos envelheceremos. Mas nem sempre é assim, lamentavelmente.

Quem acredita em contos de fadas, esquece que as princesas eram donas-de-casa. Elas não trabalhavam, não tinham profissão e nem pagavam contas. Os príncipes…ah…os príncipes…eles eram filhos do rei!

Não se trata de pessimismo. Muito pelo contrário. Vivemos perseguindo e acreditando no amor. Aliás, é ele que nos alimenta. Mas com o tempo passamos a entender melhor as coisas do coração. E, mais realistas, sabemos que ele só será eterno enquanto durar.

É…o poeta estava certo! Por isso, viva o amor intensamente!

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : mulheresdequarenta

0 Comentário

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.