Porque devo usar a quinua?

Por Roseli Rossi  

A saúde, de fato, está no seu prato! Esta frase define a necessidade que o corpo humano tem em consumir alimentos desenvolver e manter de todas as células do organismo com vitalidade funcionando perfeitamente, pois a falta de um nutriente pode comprometer seriamente a saúde como um todo. Pode-se dizer que hoje, há alimentos completos que contemplem essas necessidades, um deles é o grão de quinua!

Riquíssimo em proteína, carboidrato de baixo índice glicêmico, gordura saudável, vitaminas, minerais e aminoácidos, a quinua contêm todos os nutrientes essenciais à saúde e o perfeito equilíbrio do nosso organismo. A quinua é rica em ômega 3 e 6, gorduras do bem que impedem a deposição de gorduras maléficas nas artérias, ou seja, reduz o colesterol ruim (LDL).

Outra característica importante é que apenas cada grão deste cereal possui 20 aminoácidos diferentes! Entre eles, a lisina, aminoácido que ajuda a fortalecer a imunidade e a melhorar a formação de colágeno e absorção de cálcio. As proteínas, também contidas no cereal, podem auxiliar na regeneração e no desenvolvimento das fibras musculares. “Os atletas podem encontram um valor protéico na quinua que contribuem efetivamente na recuperação dos músculos”, além das mulheres durante o período pré-menstrual e menopausa, amenizando os sintomas desagradáveis, uma vez que contém fitoestrógenos.

Este poderoso cereal de valor nutritivo altíssimo, a quinua, descoberta pelos incas da Bolívia e do Peru há mais 500 anos, pode ser consumido sem qualquer restrição, por crianças, grávidas, lactantes, atletas, idosos, adultos e jovens, ou seja, não tem contra indicação. O grão não contém glúten, pode ser consumido até mesmo por aqueles que têm intolerância a essa proteína.

O diferencial deste cereal está não somente em sua composição nutricional, como também na diversidade de utilização, perante as mais diversas versões encontradas no mercado: grãos, flocos, farinha e até macarrão. Porém é importante estar presente com freqüência em uma alimentação saudável para poder se ter todos estes benefícios na saúde. Agora, vale a criatividade para conciliar sabor a um “alimento saudável”.

Certo é que não podemos nos esquecer que todos os outros cereais que já fazem parte da alimentação da população como o tradicional arroz, o brasileiríssimo milho e o trigo, a aveia, e outros; são tão importantes nutricionalmente quanto à quinua. Assim, não devem jamais ser colocados de lado nas refeições! No entanto, pela nobreza de nutrientes e vitaminas do cereal andino, há algumas diferenças as quais a quinua ganha vantagem pelas suas propriedades.

Receita

Vinagrete de Quinua

Como fazer: Faça uma cocção prévia da quinua em água fervente por aproximadamente 10 minutos e acrescente o açafrão em pó na água de cocção. Pique a cebola e o tomate e reserve. Rale o pepino e a cenoura e reserve. Em um recipiente coloque todos os ingredientes, juntamente com a quinua em grãos cozida e bem escorrida e tempere com o sal, a salsinha, a mostarda, o vinagre e o azeite.

Ingredientes: 4 col. de sopa de quinua em grãos, ½ pepino, 1 cenoura, 1 cebola, 1 tomate, ½ col. de sobremesa de azeite, ½ col. de sobremesa de mostarda, 2 col. de sopa de salsinha, ¼ col. de chá de açafrão em pó, 5 col. de sopa de vinagre, 1 col. de café de sal Rosa do Himalaia.

 

Roseli Rossi  é  a nova colunista do Mulheres de Quarenta. Nutricionista formada pelas Faculdades Integradas São Camilo (CRN 2084 /1983), com título de Especialista em Nutrição Clínica concedido pela ASBRAN – Associação Brasileira de Nutrição. Pós Graduada nos cursos de especialização de Planejamento, Organização e Administração de Serviços de Alimentação; Fitoterapia Aplicada à Nutrição Funcional e Nutrição Ortomolecular com Extensão em Nutrigenômica. É Diretora da Clínica Equilíbrio Nutricional e autora dos Livros: “Saúde & Sabor com Equilíbrio” – Receitas Infantis, “Saúde & Sabor com Equilíbrio” – Receitas Diet e Light Volumes I e II, Colaboradora do livro Nutrição Esportiva – Aspectos relacionados à suplementação nutricional e autora do Livro “As Melhores Receitas Light da Clínica Personal Diet”.

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : mulheresdequarenta

0 Comentário

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.