Mulheres submissas

SUBMIS~1Sim, elas ainda existem. Esse é um tipo muito comum nos dias de hoje. Não falo da submissão, digamos, religiosa, mas sim das mulheres que muitas vezes se submetem aos seus pares, por suas próprias vontades.

Mulheres que já tiveram filhos e são divorciadas, ficam numa situação financeira diferenciada. Após esse período há, inevitavelmente, uma queda de padrão. Bem diferente de quando eram casadas e tinham com quem dividir as despesas.

Muitas delas não aceitam essa condição. E também não se esforçam para tentar mudar a situação com um novo emprego ou complementando sua renda com alguma atividade extra.  Elas se acomodam. Isso é fato.

Preferem procurar alguém que faça isso por elas: homens que possam provê-las financeiramente, que paguem suas despesas e que lhes proporcionem as coisas boas da vida.

Eu conheço algumas que vivem nessas condições e para isso sucumbem a toda e qualquer vontade de seus pares. Inclusive aceitam a condição de amantes. Elas precisam do dinheiro. Sexualmente, estão sempre aptas a servir os seus pares. Discutir ou brigar nem pensar. Elas sabem que não podem. Têm que aceitar as coisas do jeito que elas são.

Elas não se entregam e nem se apaixonam. Os interesses são bem outros. Na intimidade com seus pares satisfazem todas as suas vontades. Sabem também como devem se comportar na vida social. Mas no fundo vivem infelizes e frustradas pois não conseguem se realizar.

Mulheres que não estão amorosamente envolvidas com seus parceiros, não sentem prazer. Elas fingem! E mulheres que não se realizam no amor…sabe como é…

Os homens por sua vez, principalmente os mais abastados, não ligam muito para isso. Muitas vezes eles até sabem dessas condições. Eles se sentem importantes em saber que as mulheres dependem deles de alguma forma. Não deixa de ser de certa forma um jeito de dominá-las, de tê-las aos seus pés.

No fundo eles sabem que não são amados. Pra eles é mais importante ter alguém ao seu lado pra compartilhar alguns momentos ou até mesmo pra desfilar ou pra se exibir para os amigos.

Será que alguém é feliz nessa história?

É…essa é mais uma que eu vejo acontecer com frequência por aí!

dinheiro_texto

 

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : mulheresdequarenta

3 comentários

  1. Eliane Reis Amorim 06/02/2013, 1:28 am comentar

    Estou passando por esse momento, não por querer mas pelo fato de que idade faz uma grande diferença, não procuro homens com poder aquisitivo alto, procuro por alguém que me complete, e estou numa luta contra o tempo, porque a idade pesa muito, mesmo tendo uma ótima aparência, concordo que mulheres não devem parar de trabalhar e se acomodar, o trabalho fará com que elas esqueçam mais rápido a decepção que estão vivendo, e fará muito bem para a auto-estima, e poder dizer: Sacudi a poeira e dei a volta por cima.

  2. Pedro 06/09/2018, 10:50 am comentar

    Ola
    Pois eu concordo em pleno que a mulher viva para o Homem.
    Que seja ele o centro do seu foco, de toda a sua atenção, que lhe seja dedicada, respeitadora e respeitada em sociedade, seja reservada…..
    Há tanto a dizer sobre o assunto, e nos tempos que correm está tudo invertido….houve uma completa inversão nos valores da sociedade, especialmente no papel das mulheres.

  3. Ronaldo 21/04/2019, 5:43 pm comentar

    Eu preciso de uma esposa que m ame de verdade para m completar

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.