Brigas em família

Vai me dizer que na sua não tem? Nos almoços de domingo geralmente tudo acontece. O motivo? Geralmente por causa de um brinquedo jogado na sala, uma criança que passou correndo pelo corredor, uma palavra a mais, uma palavra a menos. TPM nas mulheres, cervejinha para os homens.

E de repente, assim, sem mais nem menos, aquela confraternização vira um terremoto. A casa treme. Um grita daqui, o outro dali. As crianças se escondem em qualquer lugar. Umas choram, outras entram na discussão.

No final, aquilo que era para acabar bem, acaba muito mal. Todos se vão, tristes e magoados. Ao chegar a casa, pensam sobre o que fizeram e principalmente sobre o que falaram e escutaram. Todos saem feridos e machucados e refletem sobre como tudo poderia ter sido diferente. Arrependem-se do que falaram e lamentam a proporção que a briga tomou.

Eu já disse aqui no blog que “A família é o berço de tudo”. E se acreditamos mesmo nisso, sabemos que “lá em casa” também é lugar de lavar roupa suja. Faz parte. Ainda mais com a vida que levamos, com todos os problemas e com todos “os sapos que engolimos” todos os dias.

Minha mãe diz que muitas vezes o filho agride a mãe porque sabe que sempre haverá perdão. E nós mães, sabemos bem disso. Esse nosso amor universal e incondicional pelos filhos não nos permite guardar mágoas. Ainda que as palavras sejam duras, lá no fundo, conseguimos esquecer e perdoar.

Às vezes é preciso sim colocar os pingos nos “is”. Dar o braço a torcer, ainda que você tenha razão, também faz parte. O melhor é deixar as palavras se perderem no tempo e permitir que o amor fale mais alto.

É isso aí. Domingão tem mais um almoço lá em casa!

Pra se divertir um pouco, aí vai uma música clássica do Titãs…quem não se lembra?

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : mulheresdequarenta

2 comentários

  1. Andrea Durazzo 16/11/2011, 11:51 pm comentar

    Vanessa, brigas de família são tão únicas e tão globalizadas, tão dolorosas e tão engraçadas (depois…) mas o bom, e aí vem meu lado Poliana, é q não são eternas.., brigas no almoço de domingo, acontecem no afã da ansiedade que te contagia por estar tão próximo daquele q te conhece tanto, do medo da repreensão e da felicidade da convenção com aquilo q vc pensa!! Brigas de família só acontecem entre aqueles q se amam e que sabem que durante a semana, ou na próxima meia hora, ou ainda no próximo almoço de família, terão a oportunidade de serem eles mesmos e de abraçar ou de beijar, ou xingar mais um pouco a pessoa amada…. Família eeee família aaaaah FAMÍLIA!!!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.