Apesar da minha força, não tenho que abraçar o problema de todos!

Problemas dos filhos, parentes, amigos, esposo, EX-MARIDO… Nós, mulheres de quarenta, temos a incrível mania de querer abraçar o mundo e resolver todas as adversidades possíveis e imagináveis, sendo nossas ou não.

Entretanto, eu vim aqui falar hoje que você precisa parar de querer abraçar o mundo.

Apesar de sermos fortes, incríveis e cheias de determinação, não podemos usar essas nossas qualidades para tomar conta da vida de todas as pessoas que amamos. Isso só nos deixará cada vez mais desgastadas.

Enquanto nossos filhos ainda não fizerem 18 anos, é nossa obrigação cuidar de cada detalhe da vida deles. Mas claro, sempre respeitando a individualidade de cada um. Depois disso, eles podem já se virar muito bem sozinhos.

A nossa força, quando usada de forma errada e excessivamente, acaba se esgotando. Precisamos priorizar a nós mesmas, os nossos sonhos e vontades. Entender que cada um tem seu caminho e a sua jornada própria, é essencial.

Não podemos proteger de todos os problemas quem nós amamos, e sim, temos que deixá-los serem livres para optar o que for melhor para eles. E assim, devemos dedicar tempo para resolver, na verdade, a nossa própria vida.

Tirar um tempo para refletir sobre nossas escolhas e tarefas, é muito importante. Além do mais, precisamos ainda descansar. A preocupação que temos excessiva com os outros, acaba nos deixando nervosas e abalando nosso emocional, e tomando todo o tempo que deveríamos ter com nós mesmas.

Portanto, olhe para si e veja o que pode fazer de bom por você hoje. Tenha carinho e cuidado consigo mesma. Priorize-se e ame-se!

Por: Jéssica Mayara (@jessica.mjornalista) – jornalista, redatora, revisora e gestora de redes sociais. 

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : Jéssica Mayara

1 Comentário

  1. Gisele 29/02/2020, 12:24 pm comentar

    Adorei .. preciso exercitar tudo isso em mim.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.